Pesquise no blog

domingo, 8 de janeiro de 2012

Deixe seu filhinho ou filhinha ajudá-lo

   Possui seu filho a sua própria pá? Pode ajudá-lo a remover a neve do inverno, quando for o caso. Possui sua filha a sua própria vassoura? Ficará emocionada se a deixar ajudá-la a varrer. Com sua própria enxada e ancinho, seu filho pode trabalhar a seu lado no jardim, criando corpo forte, saudável apetite e aprendendo a cuidar das coisas que crescem, ao invés de ser uma amolação rabugenta que pisa nas filas de plantas ou arranca impensadamente plantas tenras.
   Uma banqueta firme e que não vire e um avental impermeável são uma ajuda para muitas atividades deleitosas dentro da casa. Que jovem não fica encantada com a água tépida, cheia de espuma? Se a mamãe estiver lavando louça, a filha pode ajudá-la com seu próprio esfregãozinho de louça. Pode enxugar os talheres ou as panelas. E, quando compreender que pratos e copos devem ser manejados com cuidado, de modo a não quebrá-los, sua filha ficará muito orgulhosa e será cuidadosa quando tais lhe forem confiados. A filha pode lavar os legumes, pode apanhar e levar coisas. Sua filha pode sentar-se na banqueta de cozinha, perto do local onde bate manualmente a massa, e bater bastante essa massa de bolo ou de biscoitos. E, depois, há a tigela a lamber! Quanta felicidade pode uma criança derivar de amassar um pouco de massa de torta ou de pão com pequeno rolo sobre uma tábua de amassar!
   Recolher os brinquedos e arrumar os quartos ensina à criança os hábitos de deixar tudo em ordem. Nesta idade, poderá trabalhar ao lado dela. Então, colocar as coisas nos lugares, ao invés de ser uma tarefa detestada, pode tornar-se uma brincadeira. Não demorará muito até que seu filho a surpreenda agradavelmente por desempenhar a tarefa de apanhar as coisas que havia largado. Algumas tarefas exigem que o genitor superponha com jeito sua própria perícia sobre a falta de jeito do filho, de modo que ambos fiquem satisfeitos com os resultados, por exemplo, em fazer as camas e pôr a mesa.
   Nos passeios a pé, pode-se dar à criança a responsabilidade de olhar cuidadosamente para cada um dos lados, decidindo quando é seguro atravessar a rua. Uma ida a uma loja se torna uma grande aventura se a criança dispuser de algum dinheiro para gastar como quiser, podendo apanhar o que deseja e pagar ela mesma ao vendedor. Ou talvez se lhe dê a responsabilidade de escolher e comprar um item da lista de comestíveis, por exemplo, flocos de cereais.
   Quando os pais de crianças pequenas discernem a importância de permitir que a criança também os ajude, pensarão em muitas formas agradáveis e construtivas em que podem dar ao filho ou à filha esta sensação de que constitui importante parte da família.

Texto baseado na Revista Despertai! de 22 de outubro de 1970 p. 23

*Imagem: Google

   Você tem filhos pequenos? O que achou das sugestões? Tem alguma outra?
((•)) Ouça este artigo

Gata ensina a cuidar de filho com pesadelo

   Na próxima vez que seu filho tiver um pesadelo, lembre dessa gata e do incrível cuidado que ela demonstra com o filhote adormecido.

video

   Fonte: IG

   Não é atoa que a Bíblia diz no Salmo 104, verso 24: "Quantos são os teus trabalhos, ó Jeová! A todos eles fizeste em sabedoria. A terra está cheia das tuas produções ".

((•)) Ouça este artigo

Os 5 cães mais inteligentes do mundo

   1º lugar: Border Collie
   2º lugar: Poodle
   3º lugar: Pastor Alemão
   4º lugar: Golden Retriever
   5º lugar: Shetland Shepherd

   Confira no vídeo abaixo:

video

   Fonte: IG

   Observação: Os animais tem inteligencia instintiva, ou contrário dos seres humanos, que embora talvez não usem, possuem inteligencia racional. ((•)) Ouça este artigo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...